Madeira 14-20 - Inovação, I&DT e Energia

As áreas afetas à Inovação, I&DT e Energia, devem produzir valor acrescentado e assumirem-se como fator de melhoria da produtividade, competitividade e de geração de emprego, respondendo às necessidades de sustentabilidade da economia e de melhoria da qualidade de vida dos cidadãos.

Atualmente, a taxa de compromisso* ascende a 36%, face aos eixos que contribuem para esta área estratégica (Eixos prioritários 1 e 4), pelo que, demonstram indícios favoráveis de absorção das verbas. 

A Competitividade e Internacionalização (Eixos prioritários 3 e 11) representa 25% do Programa Madeira 14-20, assente num esforço na promoção de uma cultura de empreendedorismo. O conhecimento apenas gera valor quando é aplicado no mercado, pelas empresas e tal depende de uma cultura de inovação assente num forte investimento em investigação e desenvolvimento.

Esta tem-se revelado uma área com uma grande dinâmica, com uma taxa de compromisso* que ascende a 94%, prevendo-se um reforço das verbas afetas a este Eixo na ordem dos 12 M€.